quinta-feira, 30 de julho de 2015

Amsterdam: Bistrot Neuf

Amsterdam - Holanda. Sabe aquela coisa de simpatia com a vitrine e a entrada de um restaurante? Foi assim que descobri o Bistrot Neuf, no ponto de partida da viagem que fiz para Escandinávia e Rússia pela Happy Tour. O ambiente intimista de iluminação indireta reserva excelentes opções com ótimo custo-benefício. É uma mistura de restaurante com bar, que serve pratos descomplicados, mas com muito sabor. É o caso do Brioche Neuf, com Foie Gras Grelhado, Maionese Caseira de Trufas e Compota de Cebolas. Simplesmente fantástico. Acho que durante os três dias que passei na cidade, pedi umas 5 vezes essa entrada. O Steak Tartare, com ingredientes frescos e de qualidade, também agradou bastante. 
Os pratos principais foram bem preparados e com porções caprichadas para um bistrô francês. As pedidas foram: Peixe do Dia com Risoto de Tomate, Espinafre e Molho de Coentro; o Confit de Pato com Lentilhas e Chorizo; e Beef com Molho Béarnaise, Fritas e Salada (para duas pessoas). Todos os três pratos tinha muito sabor e identidade. A apresentação poderia ser melhor, mas isso não atrapalhou a experiência. 
Para sobremesa, um Crème Brûlée com Cravo e Sorbet de Laranja Sangrenta. O cravo fez a diferença e elevou o nível do creme, mas foi o sorbet de bloog orange que conquistou os presentes no jantar. Muito bom! Gostei muito do que experimentei. Ambiente descontraído, boa localização, preço razoável e muita comida boa. Se tiverem passeando por Amsterdam, podem parar tranquilamente no Bistrot Neuf! 

segunda-feira, 27 de julho de 2015

Amado: Menu Prix Fixe

O Amado, eleito pela Veja Comer & Beber 2015 como o melhor Restaurante Contemporâneo de Salvador, está com uma ótima novidade: o Menu Prix Fixe. O projeto, implementado pelo chef Fabrício Lemos, visa proporcionar uma deliciosa experiência gastronômica durante o almoço por um preço mais acessível. A edição especial traz duas possibilidades de menu: com 2 pratos (R$50.00) ou 3 pratos (R$75.00). Cada pessoa poderá escolher um prato de cada categoria (entrada, prato principal e sobremesa), no período de segunda a sexta-feira, das 12h às 15h. Para a entrada, temos a Casquinha de Aratu com Farofa de Llicuri e Aioli de Pimenta Doce; a Tagliata de Sol com Salada de Agrião e Queijo Coalho; a Salada Morna de Espinafre, Queijo de Cabra, Cebola Roxa, Castanha e Vinagrete de Fumeiro; ou então o Mousse de Gorgonzola com Mel, Tomate e Croutons. Minhas preferências? A Casquinha de Aratu ou então a Salada Morna. 

Na hora de pedir o prato principal, o grande “desafio” será decidir entre o Gnocchi Parisiense ao Molho de Cogumelos e Vegetais Sazonais; o Filé Suíno com Ragu de Três Feijões, Fumeiro, Carne Seca e Farofa de Manteiga; Peixe do Dia com Mandioquinha e Quiabo grelhados ao Molho de Moqueca; ou o Filé Mignon com Mil Folhas de Batata e Cebola Caramelizada ao Molho de Vinho Tinto. Não cheguei a provar o Filé Mignon, mas das outras três opções, fico com o Peixe do Dia. Prato leve, saboroso e com um molho excelente! 

Para fechar o cardápio, a escolha da sobremesa fica entre as seguintes opções: a Mousse de Chocolate, Brownie, Ganache e Sorvete de Castanha (no dia que experimentei, o sorvete foi de Cupuaçu e a combinação ficou muito boa!); o Pudim de Coco com Calda de Dulcey, Farofa de Castanha e Sorvete de Coco; a Pavlola com Coulis de Frutas Vermelhas, Creme de Limão e Sorvete de Baunilha; ou o Goiaba, Goiaba, Goiabada com Sorbet, Cheesecake e Coulis da fruta. Minha sugestão vai para a primeira opção, que consegue diferentes texturas e sabores num mesmo prato. Mas isso não descarta as outras opções, até mesmo a de goiaba que não sou muito fã. 
É uma ótima oportunidade para degustar o melhor da culinária contemporânea da Bahia com requinte, qualidade e preço atrativo. O chef Fabrício Lemos, que conseguiu resgatar o prestígio do restaurante Amado em tão pouco tempo, acertou mais uma vez ao lançar o cardápio especial, permitindo que mais gente conheça esse ícone gastronômico da cidade sem onerar tanto o bolso. Recomendo!  

quinta-feira, 23 de julho de 2015

El Caballito: Festival de Comida Mexicana

Sempre gostei do estilo da comida mexicana e desde pequeno me acostumei a provar as novidades que esse tipo de gastronomia oferece. Aqui em Salvador existem diversos restaurantes mexicanos, mas o que mais inova (e meu preferido) é o El Caballito. O proprietário Caco Marinho acaba de lançar o Festival de Comida Mexicana de La Calle, preparado pelo chef australiano Luke Hammond, que acabou de ser contratado pela casa e é amante dessa culinária. O Festival acontece aos domingos e terças-feiras (18 h às 24 h), custando R$39,90 (apenas!) por pessoa. Ótimo custo-benefício, tendo em vista que conta com cardápio variado, servido em porções individuais, o que permite provar de tudo um pouco e repetir a dose do que mais gostar. Fui conferir semana passada a proposta e comecei bem com uma refrescante Margarita Frozen de Tequila e Hibiscus, uns Tostones com Ceviche de Camarones (chips de banana da terra com ceviche de camarões e guacamole) deliciosos e umas Alitas a la Diabla (asinhas de frango com salsa diabla) que estavam pegando fogo (molho muito apimentado, mas bem saboroso!). 
A degustação continuou com ótimas Quesadillas (nas versões Frijoles com Queijo, Arrachera e Porco com Salsa Verde), seguidas de Tostadas de Puerco na Salsa Verde (tortilla de milho crocsnte com carne de porco) e Brochetas de Pollo em Salsa de Tamarindo e Mel de Chipotle (espetinhos de frango marinados em diversos molhos com cacahuate e amendoim), cujo sabor me lembrou um pouco do molho do pad thai asiático.
Depois foi a vez dos Tacos de Pollo com Mole Poblano, tortilla de trigo com frango e o famoso molho mexicano que leva mais de 30 ingredientes (entre eles, chocolate!). Estava fantástico. Para mim, um dos melhores pratos da noite. Ainda experimentei Calamares Fritos com Crema de Cilantro, Limon y Aguacate. As lulas estavam crocantes e o molho muito interessante. Para finalizar, Tacos de Camarones a La Plancha (tortilla de trigo com camarões, guacamole e salsa), também muito saborosos. Como já tinha falado desde o início do post, fiquei satisfeito com a proposta do Festival. Comida boa, de qualidade e, principalmente, aquele sabor típico da culinária mexicana. Recomendo!

segunda-feira, 20 de julho de 2015

Saúde Brasil: 27 anos.

O Restaurante Saúde Brasil é referência em alimentação saudável (sem ser radical) na capital baiana há mais de 27 anos. O conceito de comida natural com serviço de buffet variado é excelente e arranca elogios sinceros de seu público cativo. Muito preocupado com a segurança alimentar, o casal de empresários João Telles e Rita Sacramento sempre busca pesquisar novas técnicas para aprimorar os serviços, fornecendo uma gastronomia contemporânea saudável e gostosa. Um grande exemplo disso é a utilização do forno alemão RATIONAL, todo computadorizado, que permite a escolha de seis tipos de cocção. A equipe de funcionários experientes é outro ponto positivo da casa. Mas vamos ao que realmente interessa: a comida! A assessoria da casa é feita por Verônica Macêdo, responsável pelo convite para o jantar de degustação de novos pratos, que começou pelo Caldo de Abóbora com Toque de Gengibre e Alecrim (sem glúten e lactose), seguido do Rolinho de Salmão com Dijon, Raiz Forte, Semente de Papoula e Flor Comestível, do Bolinho de Mandioquinha com Camarãoe da Torre de Vegetais Grelhado com Shimeji. Todos bem saborosos e muito saudáveis.
Os pratos principais estavam atrativos e bem executados, como de costume. Comecei pela Salada de Physalis e Manga, depois experimentei os deliciosos Frango com Ameixa, o Rondelli de Cacau com Ricota e Confit de Tomate, Rocambole de Tapioca com Shimeji e Arroz de Brócolis. Como pode ser notado, uma alimentação rica em nutrientes. O sabor também estava incrível. Como cliente da casa há mais de 15 anos, não consigo recordar alguma experiência negativa. Comida natural de primeira. Recomendo também os Sucos Detox, que ajudam a desintoxicar o organismo. 
E não é só as entradas, pratos e sucos que arrancam elogios não! As sobremesas do Saúde Brasil também são TOP! A Cheesecake de Goiaba e a Tortinha de Banana, por exemplo, estavam extremamente deliciosas. O jantar foi descontraído e agradável. Parabéns ao pessoal do restaurante por todos esses anos de dedicação e respeito ao alimento... nossa saúde agradece!  

sábado, 11 de julho de 2015

Brigadeiro de Pistache com Nibs de Cacau

Essa foi a minha primeira tentativa (que deu certo) de Brigadeiro Gourmet. Preparei um Brigadeiro de Pistache com Nibs de Cacau. Peguei o tradicional Leite Moça, acrescentei manteiga e um pouco de Crema di Pistacchio italiano para preparar um brigadeiro gourmet. Cozinhei lentamente em fogo baixo até chegar no ponto ideal. Para finalizar, substitui o granulado por nibs de cacau (da AMMA). Ficou delicioso. 

quarta-feira, 17 de junho de 2015

Mondrian + The Simpsons = Wine Bottle

Voltei recentemente de uma viagem pela Rússia e pude conferir numa revista local parte do incrível trabalho dos designers russos Constantin Bolimond e Dmitry Patsukevich, responsáveis em criar uma dupla de garrafas de vinho inspiradas em Homer e Marge Simpsons (da série The Simpsons). Mas não é só isso, o trabalho ainda tem um toque das obras do famoso pintor Pieter Mondrian. Os personagens são facilmente reconhecidos pelas blocos coloridos representados nas garrafas. Massa!

terça-feira, 16 de junho de 2015

Chocolates AMMA

O AMMA é um dos poucos chocolates nacionais que faço questão de comprar. A linha de chocolates diferenciados e orgânicos é produzida em Itacaré (Bahia), pelo empresário Diego Badaró. As amêndoas de cacau que se transformam no sofisticado chocolate são selecionadas no vale do Rio de Contas. A maioria dos produtos possuem altas concentrações de cacau e são exportados para diversos países (alvo principal). A missão da Amma é fazer o chocolate da mais alta qualidade do Brasil, levando a consciência do sabor e do saber da floresta para os seus consumidores. Os sabores que eu mais curto são: Chocolate de Cupuaçu 80% e o Chocolate Gula Merah 70%. Ah, os Nibs de Cacau também são excelentes para acompanhar iogurtes ou então como "granulado" de brigadeiros, além de seres ricos em antioxidantes. A marca tem um box na Mercado do Rio Vermelho (antiga Ceasinha), aqui em Salvador. Recomendo!