terça-feira, 28 de abril de 2015

FÉRIAS até o fim de maio!

Meus amigos leitores, ficarei de férias até o final de maio/2015. Por isso, e por não ter tido tempo de preparar algum material, não farei posts novos aqui no blog durante esse período.  No entanto, quem quiser acompanhar algumas novidades gastronômicas da minha viagem, basta seguir meu Instagram @almeida1984. Valeu!  

domingo, 26 de abril de 2015

Goût de / Good France no Villa Bahia

No dia 19 de março de 2015 aconteceu o Goût de France, onde 1500 cardápios foram propostos em restaurantes e embaixadas da França (mais de 150 países) espalhados pelos 5 continentes, a fim de celebrar a gastronomia francesa (que é patrimônio da UNESCO). Em Salvador, o evento esteve presente no Hotel Villa Bahia e no restaurante La Provence. O projeto é fruto de uma iniciativa de Alain Ducasse e do Ministério Francês das Relações Exteriores e do Desenvolvimento Internacional. Em casa restaurante, o chef teve que homenagear uma cozinha viva, aberta e inovadora, sendo fiel aos princípios de partilha, prazer, respeito ao comer bem e ao planeta. O chef Guto Lago tirou isso de letra para executar o menu, calculado nos mínimos detalhes e especialmente criado para a ocasiãoaperitivo de tradição francesa escolhido foi o Tartar, apresentado em versão tropical, com utilização do caju, perfeitamente harmonizado com o champagne Dautel-Cadot. Se for para resumir em uma palavra: sensacional. 
entrada fria ficou por conta de Sopa de Açaí com Lagostins ao Vapor de Cachaça. Não sou muito fã de açaí (acho com gosto de terra), mas o sabor desse prato agradou bastante. A entrada quente foi um bem apresentado Brandade de Surubim com Mandioquinha e Creme de Língua de Vaca. Sabor marcante, mas equilibrado. Para a opção de peixe ou crustáceo, o chef Guto Lago optou pelo Robalo em Crosta de Mandioca e Coco, Refogado de Maturi e Emulsão de Moqueca. Estava tão fantástico, que repeti a dose. Esses pratos foram harmonizados com o Chateau Croix des Gentis Bordeaux 2012. Para a opção de carne ou ave, mais uma agradável surpresa: Paleta de Cordeiro "Braseada" ao Molho Rôti com Feijão Mangalô, Ervas Finas e Vinagrete de Pupunha. O prato, harmonizado com Chateau de Lavagnac Bordeaux Supérieur 2010, arrancou altos elogios de todas as pessoas que estavam na minha mesa. 
Em seguida, foi a vez do queijo (ou seleção de queijos). Aprovei o Queijo Serra da Canastra com Trufas de Genipapo, mesmo sem gostar de genipapo. Só por isso, vocês percebem o quanto estava bom! A sobremesa foi uma Torta de Chocolate com Mousse de Cupuaçú e Pranilée de Castanhas Brasileiras, seguida de um digestivo e um espresso, fechando, dessa forma, o cardápio muito bem. O preço de cada menu ficou a critério do restaurante e cada um se comprometeu a reverter 5% das vendas para ONG local que atuasse na defesa do meio ambiente e respeito à saúde. Foi uma experiência memorável.

terça-feira, 21 de abril de 2015

Jantar Santa Comida: 7ª Edição

7ª Edição do jantar do Santa Comida foi para comemorar o Natal com os amigos. Como festa de fim de ano tem sempre muita comida (e bebida), o cardápio foi caprichado. Para começar, o pessoal elegeu a Cava (Segura Viudas) e o Albariño (Paco & Lola) como as bebidas principais, mas eu comecei por um J&B "on the rocks". Para beliscar, queijo Manchego, Nozes e Castanhas. Para entradas, Focaccia (veio congelada diretamente da Itália) e o "tradicional" (porque tem em quase todas as edições) Carpaccio. O molho foi feito com amêndoas, limão siciliano, queijo parmesão, pimenta do reino e azeite! 
O primeiro prato foi um Creme de Bacalhau com Ceci Nero (grão de bico negro - produto importado italiano), cuja receita foi criada por mim. Estava delicioso e o creme branco contrastou bem com a cor escura do grão, ficando um apelo visual legal. Finalizei o prato com um pouco de Mel de Abelha. O segundo prato foi uma Pasta con Farina di Grano Arso, uma massa feita com grão queimado (arso em italiano) de técnica secular. O molho foi feito com Camarão, Tomate Cereja Assado, Cogumelos Paris e Sálvia. O grão é mais duro e a forma da massa permite uma boa incorporação do molho. Muito bom!
Para sobremesa, um licor Zirall da região de Allariz (Galícia - Espanha) para acompanhar uma Torta de Açúcar Mascavo com Sorvete. E para acompanhar o espresso nada melhor que um Cantucinni alla Mandorla (aqueles biscoitos tradicionais italianos com amêndoas). 
Mais uma vez, antes de terminar o post, fica um pouco do registro (#makingof) da preparação dos pratos...

sexta-feira, 17 de abril de 2015

Gattai Special Week

O Gattai Restaurante, localizado na área gourmet do Salvador Shopping, está com novo menu promocional. A nova edição do “Gattai Special Week” acontecerá de 20 de abril a 09 de maio de 2015, contando com pratos exclusivos para os apreciadores da gastronomia oriental e contemporânea. Pelo valor atrativo de R$45,90, tanto no almoço quanto no jantar, os clientes terão acesso à menu com entrada + prato principal + sobremesa. Fui conferir o que os chefs Branco e Júlio prepararam para o evento e já adianto que tem muita coisa boa! Para entrada, Acelga Maki ou Hot Roll (3 unidades). Como estou evitando gordura, optei pelo Acelga Maki, que estava bem saboroso. Aproveitando o embalo, sai da "promoção" e experimentei um Combinado de Novidades do Sushiman, que estava TOP!
Para os pratos principais, o cliente poderá escolher entre o Risoto de Açafrão e Quinoa com Ragu de Costela (muito bem executado, com muito sabor e ótima apresentação - o prato me surpreendeu), o Penne com Frutos do Mar flambados em Vodka (mais uma vez, a casa apresentou um prato saboroso e com produtos de qualidade) ou então a Costelinha ao Molho Barbecue com Batata Gratinada e Croutons de Bacon (essa eu não provei, deixei para a próxima visita). 
Para a sobremesa, mais uma boa surpresa: o Harumaki de Banana com Creme de Avelã e Sorvete de Creme. O rolinho estava bem seco e crocante que somado com a "nutella" e o sorvete resultou numa combinação vencedora! Curti muito. Quem quiser uma opção mais light poderá escolher o Sorvete de Coco Verde. Pelo que observei, o custo-benefício do Special Week Gattai está excelente. Pretendo almoçar algum dia por lá para repetir a dose!

quinta-feira, 16 de abril de 2015

Oui 10 anos X Marc Le Dantec

Além da casa nova, o restaurante Oui (Barra) comemora os 10 anos de sucesso na capital baiana. E para festejar nada melhor que um festival gastronômico com menu criado por um legítimo chef francês. Para isso, a casa foi buscar em São Paulo o renomado chef Marc Le Dantec (que já teve o restaurante Prestige aqui em Salvador), para criar e executar um menu degustação exclusivo, que buscasse enaltecer a excelência da culinária contemporânea francesa. Recebi o convite da assessoria da casa (Estevão Terceiro) para o jantar de lançamento, que começou com duas ótimas entradas: Velouté de Queijo de Cabra, Farelo de Avelã e Presunto Serrano (fantástico!!!) e Fricassée de Vieiras e Camarões com Risoto de Grãos e Emulsão de Nozes e Champagne (bem leve e saboroso). As entradas foram harmonizadas com um espumante Brut e um Chardonnay 2013, ambos da vinícola chilena Concha y Toro
Em seguida, escolhi o Coelho "alla sarda" com Fruto do Caju e Pappardelle para prato principal, mas existiram outras opções, como a Pescada Amarela com Arroz Cateto e Pinhões ou então o Bombom de Alcatra em Crosta de Tutano com Batata Lucienne e redução de Merlot e Cacau, bastante elogiado. O sabor do coelho estava ótimo, o que me fez ficar satisfeito com o prato, mesmo com uma falha na execução da massa. Para harmonizar, um Cabernet Sauvignon 2012 Marques de Casa Concha, da Concha y Toro.
A sobremesa escolhida pelo chef foi a Pera Pochée com Calda de Chocolate, acompanhada de Sorvete de Creme aromatizado com Chocolate e Laranja. A pera foi cozida em calda de açúcar e especiarias, deixando um sabor agradável. O sorvete, de sabor marcante, estava excelente e acabou sendo a estrela do prato. O jantar foi um sucesso e refletiu o padrão de qualidade do restaurante. Querendo marcar um almoço ou jantar por lá, reservas através do telefone (71) 3321-4765.

domingo, 12 de abril de 2015

"Risotto" de Lula com Shitake e Pesto

Adaptei uma receita de risoto fake para criar o "Risotto" Frio de Lula com Shitake e Pesto. O fake é em função da substituição do arroz por lulas cortadas no formato do grão. Mas antes, vamos preparei o molho. Para o pesto não tradicional, usei amêndoas, parmesão, coentro, rúcula, alho, pimenta do reino e azeite. Tritura bem no processador e reserve na geladeira por algumas horas. Se quiser um molho menos picante, basta diminuir a quantidade de alho. 
O preparo da lula é bem fácil e prático. Depois de cortar o molusco em pedaços bem pequenos, fritei no azeite bem quente. Acrescentei o shitake e misturei por alguns minutos. Feito isso, desliguei o fogão, esperei esfriar um pouco e adicionei o molho pesto que estava na geladeira. Pronto. Você pode servir imediatamente ou então voltar para a geladeira para consumir mais tarde! Gostei do resultado. Além de refrescante, o sabor agradou muito.